Atendimento é importante?

Quantas vezes você entrou em uma loja para comprar algo e desistiu após ser ignorado ou destratado pelos atendentes? Esse comportamento é extremamente comum em todos os setores brasileiros, desde as lojas de produtos mais rotineiros, até os prestadores de serviços mais complexos. Contudo, durante a pandemia, muitas empresas se destacaram por já tratarem seus clientes de forma muito mais pessoal, ouvindo-os e prestando atenção em suas reais demandas. O resultado desse comportamento para muitos empresários foi a cativação de novos clientes e a indicação boca a boca, que se tornaram consumidores leais e referenciaram o local sempre que eram questionados. Ainda assim, existem muitos negócios que questionam se o atendimento é importante?

Em nossa experiência, a resposta é simples: sim.

Além do profissionalismo, uma das coisas que decidimos quando a Solider nasceu foi, que os nossos valores pessoais de respeito um com o outro, seria uma das bases do DNA da empresa. Isso significa tratar as pessoas como pessoas, não apenas como colegas de trabalho ou clientes, mas pessoas.

Cada nova pessoa que entra na Solider, não é avaliada apenas por sua capacidade técnica, mas também pela integridade de sua personalidade. Atender as pessoas e tratá-las com respeito e dignidade é a principal forma de trabalho da Solider. É necessário compreender que empresas não são formadas apenas por processos, produtos, serviços, mas por pessoas que criam e participam de cada uma dessas etapas.

Como assessoria contábil, a Solider é contratada para lidar e resolver números complexos entre empresas, sócios e governo, tudo isso só é possível através do relacionamento com pessoas. Por mais que o mundo atual resolve uma imensidão de coisas através do clique de um mouse ou através de um toque em seus aplicativos, para cada uma dessas ações, existem pessoas envolvidas. Quando estamos em reunião com nossos clientes, nos preocupamos em resolver mais do que os problemas que nos são pedidos, mas entender a empresa e as pessoas com quem estamos trabalhando, para prover soluções que se estendam aos erros passados, presentes e evitem os futuros.

Para entender a cultura de uma empresa, é preciso conhecer a equipe que a integra, muitas vezes problemas internos são gerados pela falta de comunicação ocasionadas por vícios comportamentais e até divergências. Para encontrá-los e saná-los, é preciso conhecer as pessoas quem trabalhamos, não apenas a faceta profissional, mas também a pessoal. As redes sociais se popularizaram por um gigantesco motivo, a necessidade de conexão entre seres humanos. 

Sabemos que os números são frios e duros e muitas vezes isso é refletido na relação entre contabilidade e empresa, mas na Solider acreditamos que para somar esses números, precisamos de pessoas em ambos os lados da equação.

E você? Já fechou ou deixou de fechar negócio por causa do atendimento? Conte para nós.

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: